UFCG / CSTR - Campus de Patos - PB

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE

    CENTRO DE SAÚDE E TECNOLOGIA RURAL

 

   . Apresentação

   . Área de Concentração

   . Alunos

   . Calendários

   . Coordenação

   . Disciplinas

   . Dissertações

   . Docentes

   . Documentos

   . Doutorado

   . Downloads

   . Linhas de Pesquisa

   . Mestrado

   . Regulamento

   . Seleção

 

 

 

 

 

 

 

 

Doutorado

 

     O Curso de Doutorado foi iniciado em 2009 com conceito 4, com o objetivo principal de formar pesquisadores e docentes-pesquisadores para a região nordeste.

Para a obtenção do título de Doutor em Medicina Veterinária, o doutorando deve satisfazer os seguintes requisitos:

      1. integralizar 35 créditos em disciplinas da estrutura curricular;

      2. ser aprovado na defesa da tese;

      3. cumprir com as exigências do Programa após a defesa de tese, incluindo o envio de pelo menos dois trabalhos científicos à revista científica Qualis A, B1 ou B2.

 

      Para o ingresso ao Doutorado o candidato deve se submeter a um processo de seleção, no qual são considerados 5 pontos:

      1. análise do currículo;

      2. desempenho durante o mestrado (prazo de defesa e publicações);

      3. prova de conhecimento que consta de ler, interpretar e avaliar um trabalho científico em inglês e escrever, em português, o título e o resumo do mesmo;

      4. entrevista;

      5. apresentação de um projeto de pesquisa.

 

      A distribuição de bolsas tem critérios bem estabelecidos: a classificação do candidato no processo de seleção; e a produção científica do orientador. A primeira bolsa é para o candidato melhor qualificado, a segunda para o orientador mais produtivo, e assim sucessivamente.

A dissertação é constituída por, pelo menos, dois trabalhos, dentro da mesma linha de pesquisa, enviados a revista Qualis A, B1 ou B2 (pelo menos um dos trabalhos B1) e uma revisão da literatura (em forma de trabalho). Alternativamente a tese pode ser constituída por três trabalhos submetidos à revista Qualis  A, B1 ou B2 (pelo menos um em revista B1), sem a necessidade da Revisão da Literatura.

      Atualmente o Programa conta com seis Docentes Permanentes que orientam no doutorado, principalmente nas áreas de doenças e produção de ruminantes. Cinco dos seis orientadores são bolsistas de pesquisa do CNPq e todos dispõem de recursos financeiros de projetos aprovados por diferentes agências de fomento.

 

Principal | Links | Contatos