Avenida Universitária S/N - Bairro Santa Cecília - Cx Postal 61 - Patos/PB    CEP:58708-110   Telefone (83) 3511-3000     cstr@cstr.ufcg.edu.br

APRESENTAÇÃO

 

  •     A Pós-Graduação em Medicina Veterinária do CSTR foi criada em 2003, inicialmente em nível de mestrado, denominado Mestrado em Medicina Veterinária de Pequenos Ruminantes e, em 2007, passou a ser Mestrado em Medicina Veterinária de Ruminantes e Equídeos. Em 2008, foi criado o Doutorado e o Programa passou a ser designado Programa de Pós-Graduação em Medicina Veterinária (PPGMV), incluindo também a área de Medicina Veterinária de Cães e Gatos, com a primeira turma em 2009. Atualmente, o PPGMV tem conceito 5 pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Uma das características mais importantes do PPGMV é que está voltado, prioritariamente, para o conhecimento dos problemas da região e tem colaborado com a solução de problemas sanitários e produtivos da pecuária do Nordeste. Os alunos, ao fazerem visitas técnicas e participarem das atividades de rotina das clínicas e dos laboratórios, entram em contato com essa realidade e aprendem a procurar soluções; visitas permanentes às propriedades e comunidades garantem a indissociabilidade da pesquisa-ensino-extensão.

     

        Os principais objetivos do programa são:

     

     • Treinar e formar pessoal altamente capacitado em saúde e produção animal e em doenças de animais de companhia e fixar esses recursos humanos na região do semiárido;

     

     • Produzir conhecimentos que permitam solucionar os problemas limitantes para o desenvolvimento da produção animal na região semiárida do Brasil;

     

     • Promover alternativas produtivas para a produção de alimentos e renda na região, assim como para a conservação do meio ambiente através de um manejo sustentado da caatinga;

     

     • Formar pesquisadores e profissionais com uma visão interdisciplinar que possam contribuir para o controle das enfermidades, assim como para a adoção de sistemas de produção sustentáveis, visando o aumento da produção e da produtividade na região semiárida;

     

     • Promover e consolidar a integração com outras instituições que desenvolvem pesquisas em ruminantes e equídeos no semiárido;

     

     • Apoiar os programas de difusão tecnológica, voltados para a realidade do semiárido, transferindo os conhecimentos aos produtores rurais e contribuindo para a promoção do desenvolvimento socioeconômico da região.

     

        O PPGMV conta com Docentes Permanentes, Colaboradores e Visitantes, com o suporte da estrutura do Hospital Veterinário (Clínica de Grandes e Pequenos Animais), do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para o Controle das Intoxicações por Plantas (INCT) e de diversos laboratórios, entre eles: Anatomia Veterinária, Bioclimatologia, Biologia Molecular do Semiárido, Doenças Transmissíveis, Epidemiologia, Microbiologia, Nutrição Animal, Patologia Animal, Patologia Clínica, Tecnologia e Inspeção de Carne e Derivados, Tecnologia e Inspeção de Leite e Derivados, Toxicologia, Vacinas e Diagnósticos e Virologia.

     

        O mestrado objetiva formar Mestres em Medicina Veterinária, com perfil para atuarem na região semiárida. Os egressos do mestrado estão atuando na Medicina Veterinária em várias regiões do país, principalmente na região Nordeste, em órgãos de ensino e/ou pesquisa, e outros têm optado por cursar o doutorado.

        Para ingressar no Mestrado, o candidato deverá se submeter a um processo seletivo com prova de conhecimentos, análise do currículo e entrevista.

        Para a obtenção do título de Mestre em Medicina Veterinária, os mestrandos devem cumprir com os seguintes requisitos:

     

     a) Integralizar 22 créditos em disciplinas da estrutura curricular;

     b) Demonstrar proficiência em inglês;

     c) Ser aprovado na defesa da dissertação.

     

        A dissertação deve ser constituída por um artigo científico e uma revisão de literatura ou por dois artigos. O (Os) artigo (s) deve (m) ser submetido (s) previamente à (a) revista (s) com Qualis A, B1 ou B2.

     

        O Curso de Doutorado tem como objetivo principal formar pesquisadores e docentes-pesquisadores para a região nordeste.

        Para ingresso no Doutorado, o candidato deve se submeter a um processo de seleção, constituído de 5 (cinco)etapas:

     

    a) Análise do currículo;

    b) Desempenho durante o mestrado (prazo de defesa e publicações);

    c) Prova de conhecimento que consta de ler, interpretar e avaliar um trabalho científico em inglês e escrever, em português, o título e o resumo do mesmo;

    d) Entrevista;

    e) Apresentação de um projeto de pesquisa.

     

        Para a obtenção do título de Doutor em Medicina Veterinária, o doutorando deve satisfazer os seguintes requisitos:

     

    a) Integralizar 35 créditos em disciplinas da estrutura curricular;

    b) Ser aprovado na qualificação;

    c) Ser aprovado na defesa da tese.

     

        A tese deve ser constituída de três capítulos, sendo estes: uma revisão de literatura e dois artigos científicos ou por três artigos científicos. Os artigos devem ser submetidos, previamente, a revistas com Qualis A, B1 ou B2.

        O PPGMV possui bolsas de Mestrado, Doutorado e Pós-Doutorado da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (REUNI) e Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba (FAPESQ). A distribuição de bolsas segue critérios estabelecidos pela Comissão de Bolsas e pelo Colegiado do Curso.

        Vários projetos são mantidos com recursos do Programa de Apoio à Pós-Graduação (PROAP) e Programa Nacional de Cooperação Acadêmica (PROCAD), da CAPES, do INCT e de editais do CNPq.